Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Entardecer

por Antonovsky, em 28.03.11

O entardecer chega depressa
Inesperado, pela sua rapidez
O tempo que a vida atravessa
Revela a sua própria escassez

 

Um fio de cabelo de prata,
As crianças que vimos crescer,
Assinalam de forma ingrata
Este brusco entardecer

 

Mas experiências de uma vida,

Essas, ficam na memoria
Talhando a emoção sentida
Quando se relembra uma história

 

É a riqueza que se acumula
Dos vários acontecimentos,
Digno é aquele que se congratula
Com as alegrias e os lamentos

 

Pois, sem o acaso e a emoção
De que servirá, então, viver?
Com os sentimentos no coração,
Aproveitamos melhor o entardecer

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:58


Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Março 2011

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031