Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Entardecer

por Antonovsky, em 28.03.11

O entardecer chega depressa
Inesperado, pela sua rapidez
O tempo que a vida atravessa
Revela a sua própria escassez

 

Um fio de cabelo de prata,
As crianças que vimos crescer,
Assinalam de forma ingrata
Este brusco entardecer

 

Mas experiências de uma vida,

Essas, ficam na memoria
Talhando a emoção sentida
Quando se relembra uma história

 

É a riqueza que se acumula
Dos vários acontecimentos,
Digno é aquele que se congratula
Com as alegrias e os lamentos

 

Pois, sem o acaso e a emoção
De que servirá, então, viver?
Com os sentimentos no coração,
Aproveitamos melhor o entardecer

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:58


Ano Velho, Ano Novo

por Antonovsky, em 26.12.10

Há um momento das nossas vidas que o tempo parece custar a passar, no entanto, hoje em dia acho o planeta Terra está mais acelerado à volta do Sol e, ao mesmo tempo, em torno de si mesmo. Os dias, garantem-me os meus amigos e conhecidos, mantêm-se com 24 horas e o ano com 365 dias, às vezes 366, mas eu duvido, acho que me estão a enganar.

Penso que é por serem simpáticos e não querem que eu me aperceba que estou a envelhecer, mas eu acabo sempre por descobrir uns cabelitos brancos ao espelho e, se não fosse isso, seria pelo crescimento dos meus filhos, pelas roupas e os sapatos que lhes deixam de servir, pelos livros escolares que tenho de lhes comprar ano após ano, pelas prendas de aniversário e Natal que têm de ser adequadas à sua idade.

Mais um ano passado, cheio de sonhos, de planos, de projectos que vão ficando adiados, de acontecimentos felizes e outros menos felizes, de saudades, de alegrias, de risos e choros, de viagens e de encontros, de tardes caseiras a ver bons filmes, de refeições com quem gostamos, de petiscos com amigos, de jantares de negócios, de reuniões secantes, enfim... mais um ano de vida passado.

Mas alegrem-se amigos, um novo ano vai surgir, com as mesmas coisas boas e más, melhores para uns, piores para outros, com eleições, debates, manifestações, crises, guerra, mas também paz, amor, solidariedade, caridade, amizade... é o pulsar da humanidade a traçar o seu caminho que, espero eu, seja cada vez melhor em busca da perfeição da saude e do bem estar.

Por isso, meus amigos, desejo-lhes um Feliz 2011... Só Cá por Coisas :-)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:35


Ir para fora Cá Dentro

por Antonovsky, em 21.10.08

Quando eu era rico*, passeava muito de automóvel aos fins de semana para conhecer melhor a região onde estou a viver ou a trabalhar .

Como estive em colocado na Base Aérea de Beja durante quatro anos aproveitei para conhecer o Baixo Alentejo, desde o seu interior, ao litoral, de Vila Verde do Ficalho até Sines, assim como, fazia também muitas incursões de uma ponta a outra do Algarve, não só para conhecer os lugares e sítios históricos, como também, a gastronomia.

Entretanto, como a vida dá muitas voltas e como actualmente faço um trajecto de cerca de 140 km para o trabalho (contando ida e volta), confesso que a minha vontade de sair ao fim de semana não é muita, para não dizer nenhuma. Mas quando a familia me convence a ir "dar uma volta", vencida
 a resistência da perguiça caseira, confesso que fico satisfeito, pois Portugal, apesar de ser pequeno, tem muitas coisas para conhecer e paisagens muito diferentes em cada região.

É claro que não podemos deixar de pensar no combustível que se gasta, nas portagens se formos por auto-estrada e no chop-chop para a malta, pois somos dois adultos e três crianças em franco crescimento, o que faz com que não nos possamos esquecer deAlgarve levar um merendinha para o caminho, pois se almoçarmos ou lancharmos "fora" faz mossa no orçamento, mesmo que seja na Mcdonalds ou outra cadeia de fast-food qualquer.

Deste modo, estou atento às agendas de actividades, passeios e visitas interessantes que sejam pouco dispendiosas. Por exemplo, há uns dias fui ao observatório de Constância, que faz parte do programa Ciência Viva, e visitámos o seu mini-planetário (que eu não sabia que existia) todos nós gostámos e......foi muito em conta.

Por isso amigos, procurem coisas interessantes em Portugal, vão para fora cá dentro e se possível, passeios poucos dispendiosos, porque o orçamento é escasso para o português de classe média, que, a seguir ao lince da Malcata, é o que está mais em perigo de extinção. :P

Um Abraço, fiquem bem

 

* Rico, neste meu caso significa não ter de fazer as contas que acabei de mencionar (combustivel, portagens, alimentação) quando passeamos. Antes, simplesmente passeava e e conhecia, agora para além disso, faço workshops de Matemática ... LOL

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:07


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Agosto 2015

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031